Vanderlan garante que vai cobrar empresas de transporte público e garantir direitos de usuários

O candidato à Prefeitura de Goiânia pelo PSB, Vanderlan Cardoso, afirmou, nesta sexta-feira (28/10) que está ao lado do usuário do transporte coletivo e tomará as medidas necessárias para garantir uma melhoria do serviço. “Existe a concessão, então as empresas têm que cumprir. Minha primeira providência será ir para a CMTC e cobrar”, disse

A afirmação foi feita durante o debate da TV Anhanguera, quando o candidato foi questionado pelo adversário, Iris Rezende (PMDB), sobre as propostas para o transporte público. Durante a réplica, Iris afirmou que Goiânia é uma cidade que cresce e afirmou que deixou a cidade totalmente asfaltada, mas que ela cresceu e o transporte não acompanhou. Ele afirmou que irá construir linhas bairro a bairro, linhas alternativas e que abrirá licitações para resolver os problemas que as atuais empresas de transporte não forem capazes de resolver.

“Ainda vem que não falou que vai resolver em seis meses”, afirmou Vanderlan. O pessebista lembrou que os problemas do transporte público não podem ser resolvidos em apenas um semestre, mas garantiu que tem projetos sérios para garantir que tudo seja solucionado e o usuário seja beneficiado.

Ele lembrou que quer conversar sobre as linhas preferenciais de ônibus com a população, criar pólos de desenvolvimento que garantam que as pessoas não precisem sair das suas regiões, evitando grandes deslocamentos e que vai à CMTC cobrar que as empresas cumpram os horários e tabelas.

“O senhor falou que as empresas são vítimas”, disse, em referência a uma entrevista de Iris, “e quem são os culpados? Os usuários? Eu estou ao lado do usuário”, garantiu.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.