Vanderlan desmente boatos sobre terceirização da Comurg e firma compromisso com servidores

Durante reunião nesta quarta (19), candidato assinou termo que assegura direitos e garantias dos funcionários da companhia

Divulgação

Divulgação

Respeitar o servidor, valorizá-lo e dar melhores condições de trabalho foram compromissos firmados por Vanderlan Cardoso (PSB) com servidores da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) no início da noite da última quarta-feira (19/10) em Goiânia.

O candidato a prefeito pelo PSB assinou um termo de compromisso que defende os direitos e garantias da categoria e ainda reiterou suas propostas de desenvolvimento a partir das oito unidades administrativas, que serão alocadas em cada um das regiões do município.

“Vocês serão os principais apoiadores do projeto que temos para desenvolver a nossa cidade. Não vamos, de forma alguma, prejudicar os servidores, como vem sendo espalhado por aí”, disse Vanderlan aos trabalhadores. “Estão falando que vamos acabar com a Comurg e com os direitos de vocês. Isso é mentira. Temos propostas para valorizar a carreira de vocês, assim como a dos demais servidores do município”, garantiu.

Outro enfrentamento que Vanderlan tem encontrado durante sua campanha é referente à terceirização da Comurg, boato que ganhou força nos últimos dias, em Goiânia. Durante o encontro, o candidato reforçou que não vai colocar OSs para gerir o serviço que hoje é prestado pela companhia.

“Consegui gerir Senador Canedo durante cinco anos e três meses com apenas administração direta e, assim, vou fazer também em Goiânia. Vou administrar com maior participação do servidor, que é quem entende quais são as prioridades para cada área administrativa do município”, concluiu.

Vanderlan destacou que sua principal proposta nesta eleição é a geração de emprego e renda, com justiça social. “Se essa é a minha principal bandeira, como eu poderia acabar com a Comurg e tirar o emprego de vocês?”, questionou o candidato, garantindo que vai levar desenvolvimento para a capital.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.