Vaca Amarela anuncia primeiras atrações e causa polêmica já na arte do evento

Identidade visual da nova edição do festival de música traz obra de Ana Paula Dornellas, alvo de polêmica judicial por estilizar imagens de santa 

Foto: Reprodução

Santa ganha nova roupagem e desafia Justiça: “Arte é laica” |  Foto: Reprodução

O Festival Vaca Amarela anunciou, nesta terça-feira (23/8), alguns dos nomes que farão parte da programação do evento, que completa 15 anos em 2016 com uma boa dose de polêmica. A arte do festival traz uma imagem de uma santa amarela com manchinhas de vaca assinada pela artista plástica Ana Paula Dornellas, a Ana Smile, que foi proibida pela Justiça de fabricar e vender as imagens estilizadas.

Na decisão, de caráter liminar, o juiz Abílio Wolney acatou pedido da Arquidiocese da capital e impediu que Ana divulgue as obras, mesmo na internet, e que deixe de vendê-las, sob pena de multa de R$ 50 mil.

Na loja Santa Blasfêmia, ela comercializava imagens de santos com elementos de personagens como Batman, Chapolin Colorado e Galinha Pintadinha. O Vaca, no entanto, não se intimidou: “Divulgue a arte da sua cidade que é livre, laica e não aceita censura!”.

Mas não é só de polêmica que vive o festival: Serão mais de 60 atrações, incluindo bandas e DJs. Até agora, já foram divulgados Gabriel, O Pensador, Mombojó, Hellbenders, Carne Doce, Rafael Castro, Ventre, Ara Macao, Francisco El Hombre, VMG, Overfuzz e Dogman. Neste ano, o festival será realizado no Centro Cultural Martim Cererê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.