Universidade de Oxford retoma testes de vacina contra Covid-19

Instituição afirmou que houve revisão independente do caso de manifestação de doença em voluntária e chegou-se à conclusão de que testagem poderia continuar. No Brasil, Fiocruz aguarda liberação da Anvisa

Foto: Reprodução.

Após a suspensão de testes por causa da manifestação de doença em uma voluntária, a Universidade de Oxford retomará os testes da sua vacina contra a Covid-19. A AstraZeneca, laboratório envolvido no processo, vai voltar às atividade nesta segunda-feira, 14. No Brasil, a Fiocruz ainda precisa de liberação da Anvisa.

Em nota acessada pela CNN, a universidade afirmou que houve uma revisão independente do caso e chegou-se à conclusão de que os testes poderiam ser retomados. O estado de saúde da paciente com reações adversas não foi informado.

“Dezoito mil pessoas receberam vacinas do estudo ao redor do mundo. É natural que alguns participantes tenham reações adversas. Todos os casos devem ser avaliados com cuidado para garantir a segurança do processo” reiterou a instituição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.