Único vereador eleito pelo Democratas, Anderson Bokão é sondado por cinco siglas

Político da Região Leste está no União Brasil, resultado da fusão do PSL com o Democratas, e tem brecha partidária para se filiar a qualquer outro partido para concorrer a uma cadeira na Alego

O vereador Anderson Salles – Bokão (União Brasil) pode sair da sigla recém-criada rumo ao Solidariedade. Ele pretende concorrer a uma das 41 cadeiras disponíveis para a Assembleia Legislativa de Goiás (Alego). Bokão já foi convidado por pelo menos cinco partidos: Solidariedade, PRTB, Agir 36, Brasil 35 e pelo Pros, todos oferecendo a oportunidade para que o vereador concorra ao legislativo estadual.

O convite mais recente foi feito pelo presidente do Diretório Regional do Solidariedade, o deputado federal Lucas Vergílio, que é pré-candidato à reeleição e está animado com a possível filiação, que estaria acertada. “É um grande amigo, nos apoiou nas eleições de 2018 e será nosso pré-candidato a deputado estadual”, disse o presidente da sigla.

Apesar de haver conversas com o Solidariedade, Anderson informou ao Jornal Opção que conversa com todas as cinco siglas citadas acima. “Ainda estou pesquisando um partido, estamos somente conversando mas nada está fechado até o momento. O que é certo é que serei candidato a deputado estadual”, comentou o vereador, que reitera que “tem que ser um partido que apoia o governador Ronaldo Caiado [União Brasil]” ou o deixe livre para o apoiar no projeto de reeleição de Caiado.

Parte da cobiça pelo nome de Bokão se dá pelo fato de o vereador ter uma brecha para mudar de sigla. Os demais terão janela partidária somente em 2024. Ele tem a brecha pela fusão entre o partido pelo qual foi eleito, o Democratas, com o Partido Social Liberal (PSL), que foi homologada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na última semana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.