UFG realiza plano integrado metropolitano para debate do Plano Diretor

Secretário Vilmar Rocha afirmou que plano vai ser instrumento fundamental para que legisladores e executivos decidam o que é melhor para cidade e entorno

Audiência na Câmara debate revisão do Plano Diretor | Foto: Alexandre Parrode/Jornal Opção

A Câmara Municipal de Goiânia realiza nesta quarta-feira (30/8) debate sobre a revisão do Plano Diretor da cidade.

Durante a audiência, o secretário do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Cidades, Infraestrutura e Assuntos Metropolitanos (Secima), Vilmar Rocha, disse em entrevista ao Jornal Opção que a pasta estuda duas iniciativas para participar ativamente na revisão.

De acordo com o secretário, a primeira ação já está na Assembleia Legislativa de Goiás, prestes a ser aprovada. “Temos um projeto de reformulação da governança da região metropolitana. Hoje, lá existe o Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana (Codemetro), mas ele não funciona”, afirmou.

Segundo o secretário, “a proposta é fazer uma nova lei reorganizando esta governança, e que efetivamente funcione. E que todos os municípios da região metropolitana participem disso”.

Vilmar disse que ainda que a Universidade Federal de Goiás (UFG) está realizando para a Secima o plano de desenvolvimento integrado da região metropolitana. “Este plano vai ser instrumento fundamental para que os legisladores e os executivos tenham um diagnóstico bem feito para que eles decidam o que é melhor”, explicou.

“O plano terá que ser validado pelo Codemetro, assim como qualquer decisão”, acrescentou.

Questionado sobre a crítica de alguns vereadores sobre as perdas que Goiânia pode ter por causa da região metropolitana, o secretário disse que a discussão é importante. “Achamos extremamente legítimo esse debate, mas queremos um acordo que seja melhor para a região”, finalizou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.