Twitter e Youtube do Comando Central dos EUA é hackeado por simpatizantes do Estado Islâmico

Mensagens foram divulgadas na página. Uma delas dizia: “Soldados americanos, estamos a caminho.”

twitter-comando-central

Foto: Reprodução/ Twitter

A conta na rede social Twitter do Comando Central dos Estados Unidos (Centcom) foi suspensa nesta segunda-feira (12/1) após ter sido hackeada por simpatizantes do grupo Estado Islâmico. As informações foram confirmadas à rede de TV CNN.

Antes da conta ser suspensa, a imagem de perfil foi trocado por uma com uma mensagem “I love you ISIS” (Eu te amo ISIS, em português). A sigla é usada nos Estados Unidos para referir-se ao grupo Estado Islâmico.

A conta do Centcom no site de vídeos Youtube também foi invadida, e vídeos de guerra dos militantes foram postados. A página já foi encerrada, e uma mensagem dizendo que foi devido a “violações repetidas ou graves das Diretrizes da comunidade” pode ser vista.

Na página, foi postada a seguinte mensagem: “Em nome de Alá, o Mais Gracioso, o Mais Misericordioso, o Cibercalifado sob patrocínio do ISIS continua sua Ciberjihad. (…) Com a permissão de Alá estamos agora no Centcom.” Em outra parte da mensagem: “Soldados americanos, estamos a caminho.”

A invasão ocorreu enquanto o presidente Barack Obama, se prepara para divulgar novas propostas para proteger os sistemas de Internet do país.

 

Deixe um comentário