‘Tudo tem o seu tempo. Tempo de plantar e de colher’, diz Iris Rezende sobre eleições 2020

Prefeito fala sobre ‘novo momento’ da prefeitura e comemora rumores de que seria candidato favorito ao Paço: “População está satisfeita com o meu trabalho”

Foto: Lívia Barbosa | Jornal Opção

O prefeito de Goiânia Iris Rezende (MDB) liderou nesta sexta-feira, 9, a 14ª frente de serviços no setor Finsocial, região Noroeste. Na ocasião, 53 famílias foram beneficiadas com escrituras no programa ‘Primeira Escritura’. De acordo com o prefeito, é preciso levar a administração das repartições públicas para o meio do povo. “É uma convivência mais próxima entre o poder e a comunidade. A oportunidade para que o cidadão chegue até o prefeito e faça uma reclamação”, exemplificou.

O evento também marcou o aniversário de 37 anos do setor Finsocial. “O Finsocial é uma comunidade um tanto realizada, pois o que a população lá do centro tem, o cidadão da periferia também usufrui”, afirmou Iris. “Nossa preocupação sempre foi essa”, emendou o prefeito ao ressaltar que para isso são realizados mutirões de serviços e outras frentes de trabalho. “Assim, fazemos com que o povo participe e se integre, fazendo de Goiânia aquela cidade exemplo para o Brasil”, destacou.

A prefeitura não podia nada, estava falida

Em entrevista ao Jornal Opção, Iris comentou a melhora na relação entre o Paço e a Câmara Municipal de Goiânia. “Tudo é questão de tempo. Eu me candidatei para tirar a prefeitura do abismo. O déficit mensal era de R$ 31 milhões nos últimos dois anos antes da minha eleição. E uma dívida de cerca de R$ 1 bilhão. Então, a prefeitura não podia nada, estava falida”, explicou Iris.

“Por dois anos ficamos cortando gastos e aumentando a arrecadação. E os vereadores, muitas vezes, ficaram incomodados, criticaram e discutiram com os secretários. Mas a prefeitura não podia [fazer nada]. Agora não, as contas estão equilibradas, já começamos a pagar dívidas dos exercícios de 2016 para trás. E vou entregar a prefeitura daqui um ano e cinco meses sem nenhum centavo de dívida, exceto para àqueles que não quiserem aderir ao projeto que encaminhei à Câmara”, explicou. O projeto citado pelo prefeito prevê um desconto de 30% da dívida e o pagamento parcelado em 18 vezes.

Empréstimo 

Segundo o emedebista, além de a prefeitura estar caminhando a passos largos para o equilíbrio, com a aprovação do empréstimo de R$ 780 milhões com a Caixa Econômica, muitos investimentos serão realizados ainda nesta gestão. “Vamos recapear mais de 600 km de asfalto deteriorado, e já estamos construindo obras por todo lado”, afirmou.

“Segunda-feira vamos inaugurar um prédio escolar que estava paralisado. Será uma das estruturas mais bonitas e mais completas na área da educação. Agora será assim, a cada dia, a cada semana, e a cada mês, vamos inaugurar obras. Vamos fazer com que todas as obras paralisadas sejam concluídas. Eu não quero deixar uma obra sequer em andamento. Tudo o que nós estamos começando, queremos terminar”, argumentou o prefeito.

Reeleição

Sobre a possibilidade de se candidatar à reeleição em 2020, Iris disse que tem evitado essa discussão. “Olhe, se a gente voltar as atenções da prefeitura ou da população para a eleição, a administração vai sofrer um ‘baque’, então eu tenho sempre lembrado a seguinte passagem bíblica: Tudo tem o seu tempo. Tempo de plantar e de colher. O tempo agora é de trabalhar e de realizar o plano que nós apresentamos à população”.

Ao responder sobre os rumores de que seu nome seria o favorito na corrida pelo Paço, Iris levanta as mãos para o céu e diz: “Eu dou graças a Deus porque isso é uma sinalização de que a população está satisfeita com o meu trabalho”, concluiu.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.