TSE pode autorizar recriação de partido político fundado por Enéas Carneiro  

Enéas disputou a presidência do Brasil e morreu em decorrência de leucemia no ano de 2007. Ele era tido como uma das maiores lideranças conservadoras do País

Foto: Reprodução/Internet

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu um pedido para reativação do Partido de Reedificação da Ordem Nacional (Prona). A sigla foi fundada por Enéas Carneiro, tido como uma das maiores lideranças conservadoras do Brasil. Polêmico, Enéas disputou a presidência do Brasil e morreu em decorrência de leucemia no ano de 2007.

Os defensores da possível recriação da sigla lembram que no ano de 2006 o então partido político fundiu-se com o Partido Liberal (PL). A união das duas siglas resultou na criação de uma nova legenda: o Partido da República (PR). Este, por sua vez, deixou de existir e voltou a ser denominado como PL mais tarde.

As mudanças em questão teriam desagradado parte das lideranças ligadas ao antigo Prona que agora revindicam, na Justiça, a reativação da sigla fundada por Enéas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.