Cinco pessoas, incluindo três crianças, foram vítimas de um ataque com faca nesta quinta-feira, 23, no centro de Dublin, na Irlanda, conforme relatado pela polícia local.

O primeiro-ministro, Leo Varadkar, confirmou a prisão de um homem suspeito de cometer o crime e esclareceu que, até o momento, o governo não classifica a ação como terrorismo, e aguarda mais informações sobre as motivações do agressor.

As vítimas foram prontamente encaminhadas a hospitais locais, sendo que uma menina e uma mulher sofreram ferimentos graves. O ataque ocorreu durante a manhã, próximo a uma escola na Parnell Square, uma praça movimentada da capital irlandesa, ao lado de uma das principais avenidas locais.

De acordo com informações da polícia, há indícios de que o agressor tentou atacar vários jovens, mas foi contido por intervenção de transeuntes.

“Foi um desespero completo e absoluto, mulheres chorando, homens gritando e chorando”, revelou o irlandês Anthony Boyle, em entrevista a uma agência de notícias estrangeira. Ele afirmou ter sido testemunha do caso.

Leia também: