Tráfego entre Alto Paraíso e Teresina deve ser liberado nesta sexta-feira

Liberação de via fundamental para acesso à região da Chapada dos Veadeiros, GO-118, será de meia pista

GO-118 deve ter meia pista liberada nesta sexta (7). | Foto: divulgação

A Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) informou que pretende liberar, na próxima sexta-feira (7), o tráfego de veículos leves na pista da GO-118, entre Alto Paraíso e Teresina de Goiás. A rodovia está interditada desde a última semana, quando parte da via cedeu por conta das tempestades na região.

A liberação inicial será em meia pista. A via é fundamental para acesso à região da Chapada dos Veadeiros. O presidente da Goinfra, Pedro Sales, acompanha as obras. “Estamos agindo com força total para dar respostas rápidas aos usuários”, apontou.

As obras executadas são para reforço do talude, com colocação de pedras no leito da via. Mais de 20 caminhões e carretas trabalham na locomoção do material. O governo destinou R$ 80 milhões para ações emergenciais nas rodovias estaduais do Norte e Nordeste goiano.

Outras intervenções atenderão às demandas emergenciais que ocorrem nesse período chuvoso. Os usuários podem solicitar serviços e indicar outros trechos pelo Goinfra App e pelas redes sociais da agência.

Confira os trechos em obra:

– Rota alternativa à GO-118, entre Cavalcante e Colinas do Sul;

– GO-110, Iaciara ao povoado de Água Quente;

– GO-236, Flores de Goiás Alvorada do Norte;

– GO-114, Flores de Goiás ao entroncamento com a GO-239;

– GO-446, Iaciara a Posse;

– GO-108, Posse a Guarani de Goiás;

– GO’s 110 e 108, trecho Guarani a São Domingos.

Confira as obras programadas:

– GO’s 447 e 110, trecho entre Divinópolis de Goiás, Monte Alegre de Goiás e Campos Belos de Goiás: início em 06/01

– GO-452, Campos Belos à divisa de Goiás com a Bahia: início 10/01

– GO’s 110 e 463, do entroncamento com a BR-020 a Divinópolis de Goiás: 11/01

– GO-132, de Santo Antônio do Cana Brava, em Minaçu, ao entroncamento com a GO-241:  12/01

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.