Tradição oral é destaque em Encontro & Conto – Festival de Narratividades

Espetáculos de teatro e dança, contação performática de histórias, encontro de narradores natos, debates e oficina compõem a programação do evento

Cia Teatro Balagan (SP) abre os trabalhos com no espetáculo teatral Cabras – cabeças que voam, cabeças que rolam | Foto: Juliana Borghi/Divulgação

Espetáculos de teatro e dança, contação performática de histórias, encontro de narradores natos, debates e oficina compõem a programação do Encontro & Conto – Festival de Narratividades, entre 15 e 30 de agosto, em Goiânia. Com apoio do Fundo de Arte e Cultura, o projeto busca fortalecer a cultura oral por meio das artes cênicas, literatura e música. Todas as atividades são gratuitas.

Com curadoria da atriz e pesquisadora Juliana Mado, o Encontro e Conto reúne manifestações artísticas, que se valem da narrativa como elemento de estruturação e de discussão estética. “Uma história só será de fato uma história quando é contada”, afirma. Segundo ela, a “atitude narrativa” está presente na performatividade do ser humano e a narração acorda nas pessoas o desejo de compartilhar experiências e vivências.

Confira AQUI a programação completa

A Cia Teatro Balagan (SP) abre os trabalhos do festival com 10 atores em cena, no espetáculo teatral Cabras – cabeças que voam, cabeças que rolam, no dia 15 de agosto (quarta), às 20 horas, no Centro Cultural UFG. O texto encenado com muita música e dança é do dramaturgo Luis Alberto de Abreu, autor da minissérie Hoje é dia de Maria e coautor da telenovela Velho Chico, ambas produzidas e exibidas pela Rede Globo.

Os debates se iniciam na quinta-feira (16/8), às 20h, no CCUFG, com “O Teatro narrativo e a narrativa na dança”, bate-papo mediado por Juliana Mado, com participação de Luis Alberto de Abreu (Cia Teatro Balagan), Renata Lima (Núcleo Coletivo 22) e Luciana Hartmann (UnB). A mesa tem como proposição a reflexão acerca da narração em cena e da narração e/ou narrativas como matéria-prima para a criação cênica.

Homens e Caranguejos,
com Coletivo Joanas Incendeiam – SP| Divulgação

A pauta de discussões também vai tratar do tema “O narrador no teatro, na contação de histórias e na educação”, em 22 de agosto, às 20h, no CCUFG. Nesta ocasião, com mediação da arte-educadora Melissa Pomi (Pomar Livraria), a mesa conta com a participação de Ângela Barcellos (Vou te contar! – DF), Luciana Lyra (Unaluna Pesquisa e Criação em Arte – SP) e Letícia Leonardi (Coletivo Cênico Joanas Incendeiam – SP). Este bate-papo busca provocar reflexões sobre processos de coletividade gerados a partir do compartilhamento de experiências, desafios do narrador no diálogo com diferentes faixas etárias, entre outros assuntos próprios da arte-educação.

Para encerrar duas semanas de muito trabalho, o Festival de Narratividades prevê a realização de oficina gratuita de narração de histórias, com a narradora e pesquisadora Juliana Mado, de 27 a 30 de agosto, entre 18h e 21h, no SESC Goiânia Centro. Com 12 horas de duração, as 25 vagas do workshop são destinadas a estudantes, artistas, professores e público em geral, com idade mínima de 15 anos. Inscrições e ementa do curso aqui.

Serviço:
Encontro & Conto – Festival de Narratividades
Data: 15 a 30 de agosto 2018, Goiânia/GO

15/08 (quarta)
Espetáculo: Cabras – cabeças que voam, cabeças que rolam, Cia Teatro Balagan (SP) – 20h, Centro Cultural UFG. Entrada franca. 14 anos
16/08 (quinta)
Debate: “O teatro narrativo e a narrativa na dança”, com Luis Alberto de Abreu (Cia Teatro Balagan), Renata Lima (Núcleo Coletivo 22) e Luciana Hartmann (UnB). Mediação: Juliana Mado – 20h, Centro Cultural UFG. Entrada franca. LIVRE
Narração de Histórias: Cia. Ju cata-histórias – 15h, Gibiteca Estadual Jorge Braga (Praça Cívica). Entrada franca. LIVRE. Tradução em Libras.
17/08 (sexta)
Narração de Histórias: Teatro Destinatário (GO), 15h, Biblioteca Municipal Marieta Telles Machado (Praça Universitária). Entrada franca. LIVRE.Tradução em Libras.
18/08 (sábado)
Encontro com narradores natos, com Roda Flor de Pequi e Sarau, 9h30, Ponto de Cultura Cidade Livre. Entrada franca. LIVRE
19/08 (domingo)
Encontro com narradores natos + Sarau das Minas GO, 18h, Evoé Café. Entrada franca. LIVRE
Narração de Histórias: Teatro Destinatário (GO), 15h, AMDASGO. Tradução em Libras.
20/08 (segunda)
Narração de Histórias: Cia. ju cata-histórias, 10h, Biblioteca Municipal Marieta Telles Machado (Praça Universitária). Entrada franca. LIVRE. Tradução em Libras.
21/08 (terça)
Narração de Histórias: Teatro Destinatário (GO), 10h e 15h, Escola Municipal Professora Cleonice Monteiro Wolney. Público dirigido.
Espetáculo: Negro de estimação, Visível Núcleo de Criação (PE), 20h, no Teatro Goiânia Ouro. 16 anos
22/08 (quarta)
Debate: “O narrador no teatro, na contação de histórias e na educação”, 20h, Centro Cultural UFG. Entrada franca. LIVRE
Narração de Histórias: Cia. Vou te contar! (DF), 10h, Gibiteca Estadual Jorge Braga (Praça Cívica). Entrada franca. LIVRE. Tradução em Libras.
23/08
Espetáculo: Homens e Caranguejos, Coletivo Cênico Joanas Incendeiam (SP), 20h, Centro Cultural UFG. Entrada franca. 12 anos
Narração de Histórias: Cia. Vou te contar! (DF), 9h30, Escola Municipal do Jardim Nova Esperança. Público dirigido.
24/08
Narração de Histórias: Cia. Vou te contar! (DF), 9h, Escola Municipal Presidente Vargas. Público dirigido.
Roda de contadores de histórias: encontro para partilhar e discutir, 17h às 20h, Livraria Palavrear. Entrada franca. LIVRE
25/08
Encontro com narradores natos + Sarau Goiânia Clandestina + festa (DJ Igor Zargov), 20h, Cabaret Voltaire. Entrada franca. 12 anos
26/08
Narração de Histórias: Cia. ju cata-histórias, 15h, AMDASGO. Entrada franca. LIVRE. Tradução em Libras.
27 a 30/08
Oficina de Narração de histórias, com Juliana Mado, 18h a 21h, Sesc Centro. Vagas: 25. Inscrição prévia.
28/08
Narração de Histórias: Cia. ju cata-histórias, 9h30, Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida. Público dirigido.
29/08
Narração de Histórias: Cia. ju cata-histórias, 15h30, Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida. Público dirigido.

Deixe um comentário