Tiroteio entre bandidos e PM deixa um suspeito morto em Goiânia

A região onde aconteceu a troca de tiros é bastante movimenta. Os dois suspeitos têm passagem por tráfico e por roubo. Eles estavam armados com uma pistola ponto 40

Dois foragidos da justiça trocaram tiros com a Polícia Militar (PM), na manhã desta quarta-feira (25/6), na Avenida Neddermeyer, no setor Cidade Jardim, região sudoeste capital. O tiroteio deixou um suspeito morto.

De acordo com o major Karisson Ferreira Sobrinho, do 7º Batalhão de Polícia Militar (7ª BPM), por volta das 9h um homem identificado como Alex, conhecido como Zói, estava na porta de uma escola discutindo com a ex-namorada. As autoridades policiais foram chamadas. Chegando ao local as viaturas foram recebidas a tiros pelo homem e por outro comparsa, ainda não identificado. Posteriormente eles apreenderam fuga em um Renault Logan preto.

“Os dois tem uma lista gigantesca de crimes. Estavam com um carro roubado, com placas clonadas”, informou o major Karisson Ferreira ao Jornal Opção Online.

Na perseguição Alex foi baleado e morreu no local. Até às 12h o corpo de Alex ainda estava no local esperando o término da perícia pelo Instituto Médico Legal (IML). A Avenida Neddermeyer, onde aconteceu o tiroteio, é predominantemente comercial e bastante movimenta. Ainda de acordo com PM, os homens têm passagem por tráfico e por roubo. Eles estavam armados com uma pistola ponto 40, modelo 940, cromada.

Durante a fuga um pedestre de 80 anos foi atropelado pelos suspeitos. O homem foi socorrido e sofreu apenas ferimentos leves.

Durante a ocorrência Robson Moreira de Oliveira, de 32 anos, foi preso e encaminhado para o 20º DP por violar o local do crime e ultrapassar as faixas de contenção postas pela Polícia Civil (PC), que também foi chamada para acompanhar o caso.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.