Time universitário causa revolta ao posar para foto fazendo gestos obscenos

Atletas da Faculdade Cásper Líbero tiraram foto para retrato oficial com as mãos juntas imitando vaginas

Time de futebol masculino tira foto polêmica | Reprodução/Facebook Frente LGBT + Casperiana

O time de futebol de campo masculino da Faculdade Cásper Líbero, de São Paulo, tirou uma foto que gerou polêmica. No retrato, alguns alunos aparecem fazendo gestos obscenos, imitando uma vagina.

Compartilhada em perfis sociais dos alunos, a foto que seria utilizada como oficial, foi deletada após várias reclamações.

Em nota, a Frente LGBT+  Casperiana disse que “expressa total repúdio à foto divulgada” que, segundo eles,  faz “referência clara à cultura do estupro e à fetichização de mulheres”.

O comunicado lembra ainda o caso dos estudantes de medicina da Universidade de Vila Velha, no Espírito Santo que, em abril deste ano,  posaram para uma foto com as calças abaixadas e fazendo o mesmo gesto com as mãos, simbolizando que eles teriam acesso livre aos corpos das pacientes.

Após reclamações de alunos, a atlética da faculdade, publicou uma nota de repúdio ao ato. “Os gestos presentes nas fotos das equipes, juntamente com a atitude e o comportamento por trás deles, são inaceitáveis”, diz o comunicado. […] Pedimos desculpas às frentes e as pessoas que foram ofendidas e se sentiram desconfortáveis. Encaramos um processo de mudanças e conscientização, e buscamos estender isso às equipes e a todos”, diz a Atlética.

Nos comentários, alguns internautas comentaram que outros times masculinos, como o de handebol e basquete, fizeram exatamente a mesma coisa. Muitas publicações diziam ainda que uma nota de repúdio não era suficiente diante da gravidade do caso.

 

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.