Tiãozinho Porto é notificado pelo Pros por não ter votado em Policarpo na eleição da Câmara

Presidente metropolitano do partido também disse não ter entendido fala de Lincoln Tejota, que afirmou que candidatura de Policarpo foi independente do partido

Momento da filiação de Romário Policarpo ao Pros | Foto: Divulgação

Em entrevista ao Jornal Opção, o presidente metropolitano do Partido Republicano da Ordem Social (Pros), Rodrigo Melo, disse que o vereador Tiãozinho Porto (Pros) foi notificado por não ter votado no colega de partido, Romário Policarpo, na eleição da Câmara Municipal de Goiânia. Policarpo foi eleito presidente da Casa na terça-feira, 4, com 24 votos a 11.

Segundo Rodrigo, Tiãozinho não tem acompanhado as discussões da sigla. “E ele descumpriu a orientação do partido ao votar no candidato adversário”, disse. O vereador, portanto, responde à notificação na Comissão de Ética do Pros, conforme determina regimento interno da sigla.

Rodrigo ainda reforçou que a candidatura de Policarpo teve respaldo do diretório do partido, tanto em nível municipal quanto nacional. O presidente metropolitano também disse que ficou surpreso com a fala do presidente estadual, Lincoln Tejota, que afirmou que a candidatura de Policarpo teria sido independente.

“Nós trabalhamos em conjunto para essa eleição e não entendi a fala do Tejota, porque a candidatura dele teve todo apoio do partido”, disse. Rodrigo ainda reiterou que Policarpo é um nome bem quisto no partido.

O presidente metropolitano, no entanto, disse que ainda não conversou com o vice-governador eleito, por quem disse ter apreço, e, portanto, não tem como o diretório do partido se posicionar até entender a razão e o contexto da fala de Tejota.

Jornal Opção entrou em contato com Tiãozinho Porto, que disse que não se pronunciaria sobre o assunto.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.