“Teste entregue é de responsabilidade total da indústria que o produz”, diz distribuidora alvo de operação

Supermédica alega que não houve nenhuma compactuação com empresas citadas na investigação

A Supermédica Distribuidora Hospitalar, alvo de mandado de busca e apreensão na manhã desta quinta-feira, 2 , se manifestou por meio de nota sobre a Operação Falso Negativo. A empresa alega que presta o serviço de distribuição e que o teste entregue é de responsabilidade total da indústria que o produz.

A distribuidora informa também que se disponibiliza 100% para a cooperação da operação em curso. “Ressaltamos que não foi encontrado ou apreendido absolutamente nada que pudesse comprometer a nossa ilibada reputação de 16 anos de mercado”, diz trecho do documento.

Leia a nota na íntegra:

A Supermédica Distribuidora Hospitalar vem através desta, em razão da Operação Falso Negativo que investiga possíveis irregularidades na compra de testes para Covid-19 deflagrada em Goiás, no Distrito Federal e em mais seis estados do país, participamos de uma cotação de uma dispensa de licitação, intermediado pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal, o teste entregue é de responsabilidade total da indústria que o produz, a Supermédica presta o serviço de distribuição e não foi vendido nenhum teste para o órgão citado.

Neste dia 02 de julho, recebemos os agentes da GRAECO/MPDFT , requerendo documentos relacionados a essa cotação de testes, no qual nos disponibilizamos 100% para a cooperação da operação em curso e que ressaltamos que não foi encontrado ou apreendido absolutamente nada que pudesse comprometer a nossa ilibada reputação de 16 anos de mercado.

Afirmamos que, sempre trabalhamos com seriedade e transparência, obedecendo a Legislação vigente quanto à participação em processos de licitação em todo o país, buscando sempre o bem coletivo, levando produtos de qualidade e trabalhando sempre com honestidade.

Afirmamos ainda que não houve nenhuma compactuação da Supermédica com nenhuma das empresas citadas na investigação. E, a exemplo do que sempre fizemos, continuaremos prestando todas as informações requeridas pelos Órgãos fiscalizadores, bem como à população, a fim de esclarecer de forma transparente todos os atos por nós praticados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.