Tenho o apoio de 38 dos 40 pré-candidatos a vereador pelo PDT em Goiânia, diz Paulinho Graus

Vereador tem projeto de se candidatar a prefeito de Goiânia nas eleições de 2020

Vereador Paulinho Graus (PDT) | Foto: Alberto Maia / Câmara Municipal

O vereador Paulinho Graus (PDT) está confiante na sua candidatura à Prefeitura de Goiânia em 2020. A confiança vem do apoio que garante ter de 38 dos 40 pré-candidatos à Câmara Municipal pelo partido. Segundo ele, o apoio foi manifestado durante encontro com o presidente nacional da sigla, Carlos Lupi, em novembro.

A não ida de dra. Cristina para o PDT também reforça a candidatura de Graus ao Paço Municipal. Ele diz que teve conversas com ela, mas a tucana não aceitou os termos sobre a disputa para quem iria a concorrer em 2020 na majoritária.

“Eu sempre coloquei a ela a minha posição.  Eu queria que nossa disputa fosse de acordo com o que pesquisas qualitativas indicassem. Ela queria ser candidata única. Não deixaria meu sonho, que projeto há muito tempo.”, afirma o vereador.

A ida de Dra Cristina era tida como certa ao PDT e chegou a ganhar apoio de Lupi. No entanto, ela declarou que irá para o PL assim que abrir a janela eleitoral.

Paulinho Graus ainda salienta que há dificuldades sobretudo pelo que chama de “fatores externos” para a sua escolha, mas que tem que boas condições de ser um candidato bom para o partido.

Além disso, reforça que a campanha não será já fácil, já que há muitos  “adversários de peso”. “Acredito na credibilidade que tenho junto à população de Goiânia e aos meus companheiros de partido. Quero ter a oportunidade mostrar meu projeto e mudar a realidade de Goiânia. Para isso, seguirei com a plataforma de Leonel Brizola, fazendo o que ele começou e não conseguiu aplicar, e replicado os acertos dele em Goiânia”, salienta.

 

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.