TCM entrega lista de agentes públicos com contas irregulares. Confira nomes

Na lista constam 2.118 mil nomes de agentes públicos que podem ficar inelegíveis nas próximas eleições. A decisão é da Justiça Eleitoral

Divulgação

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCMGO), conselheiro Joaquim de Castro, entregou nesta nesta sexta-feira (3/8) ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), desembargador Carlos Hipólito Escher, e ao procurador regional eleitoral, Alexandre Moreira Tavares dos Santos, a lista com os nomes dos agentes públicos que tiveram as contas julgadas irregulares ou com parecer pela rejeição e que transitaram em julgado nos últimos oito anos.

De acordo com a decisão da Justiça Eleitoral  2.118 mil gentes públicos podem ficar inelegíveis nas próximas eleições. As contas dos gestores municipais  foram julgadas pelo TCMGO nos últimos oito anos. São contas de prefeitos  e ex-prefeitos que foram rejeitadas pelo Tribunal e reprovadas pelas Câmaras Municipais.

A lista contém ainda as contas de governo julgadas pelas câmaras municipais e informadas ao  Tribunal. Também estão incluídas as contas dos presidentes de Câmaras, fundos, fundações, autarquias, empresas públicas julgadas irregulares.  A  aplicação incorreta dos recursos públicos  é a principal irregularidade cometida pelos gestores nos Balanços e Balancetes analisados

Para ter acesso à lista na íntegra, clique aqui.

Deixe um comentário