SSP refaz análise de dados e encontra registro de “feminicídio de homem”

De acordo com secretário Rodney Miranda, portal da SSP-GO pode ter cerca de 250 crimes tipificados com erro

 Secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO), Rodney Miranda. Foto: Jornal Opção / Fernando Leite.

O secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO), Rodney Miranda, afirmou que a partir do dia primeiro de fevereiro informações serão recolocadas no site da SSP-GO, após quase três meses de inquérito. Com a atualização, cerca de 40 homicídios foram inseridos no número divulgado em 2018 e 250 estão sob análise, com suspeita de erros nas tipificações.

Dentre os erros, o secretário apontou a categoria “morte a esclarecer”, casos de feminicídio em que as vítimas são homens e furto qualificado registrado como roubo. “Estamos fazendo primeiro [a análise] de 2018, repassando por 2019. A partir daí vamos avançar até 2016” explicou.

De acordo com Miranda, a disposição de informações também será simplificada na otimização do site, pois policiais e operadores estão com dificuldades de preenchimento por causa da complexidade do Registro de Atendimento Integrado (RAI).

Após a correção, o secretário espera que os índices de criminalidade diminuam em determinadas tipificações. As informações serão repassados ao Ministério da Justiça para que a atualização seja feita em nível nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.