Sindicato promete paralisação de frentistas em Goiânia na terça, 26, e quarta, 27

Mais de 3 mil postos foram mobilizados. O movimento de greve busca ter de volta direitos retirados dos trabalhadores, como a cesta básica e o plano odontológico

| Foto: Reprodução

O Sindicato dos Empregados em Postos de Combustíveis de Goiás (Sinpospetro Goiás) anunciou que realizará mais dois atos de protesto em Goiânia esta semana. Nos dias 26 e 27 de janeiro, terça e quarta-feira, manifestantes vão se reunir com objetivo de reivindicar direitos trabalhistas retirados.

Dentre eles, estão o direito à cesta básica e o direito a plano odontológico. O Sinpospetro planeja também atualizar a data-base da categoria, desatualizada há dois anos.

Na terça-feira, 26, as paralisações e protestos acontecem no Posto Hiper Moreira na Avenida T-1. Já na quarta-feira, 27, o ato acontece no Posto Hiper Moreira da Avenida T-9. Segundo o sindicato, a rede de hipermercados é a que mais desrespeita os direitos dos frentistas.

 No total, mais de 3 mil postos de combustíveis em Goiás e na região metropolitana de Goiânia foram acionados para apoiar a greve. Os manifestantes da categoria atuam para conscientizar a população sobre os direitos das categorias dos frentistas que foram removidos durante a pandemia.

Em nota, o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto) afirma que coloca à disposição para o diálogo com o Sinpospetro. No entanto, por causa da excepcional realidade econômica, provocada pela pandemia do novo coronavírus, não foi possível ainda chegar a um consenso sobre todas as reivindicações pleiteadas pela categoria.

“O Sindiposto reafirma a disposição para novas conversas e espera o bom senso do Sinpospetro frente à situação especialmente difícil enfrentada pelo setor devido aos efeitos da pandemia”, diz a nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.