Siamesas da Bahia passam por cirurgia para ganho de pele nesta sexta

Gêmeas vieram da Bahia no mês passado e estão em Goiânia se preparando para a cirurgia de separação

Gêmeas siamesas Laura e Laís | Foto: Reprodução

Equipe de 12 profissionais coordenados pelo médico e deputado Zacharias Calil realizam nesta sexta-feira, 13, cirurgia para colocação dos expansores de pele nas gêmeas siamesas Laura e Laís. O procedimento será realizado no Hospital Materno Infantil, a partir das 7h, e deve durar cerca de 2h.

“Vamos colocar os expansores embaixo da pele para expandi-la, a fim de que tenhamos pele suficiente para encobrir o abdômen e a bacia de cada uma das meninas logo após a separação”, observa Calil.

As irmãs siamesas chegaram da Bahia no último dia 25 de outubro para iniciar os procedimentos para cirurgia a ser realizada pelo médico cirurgião pediátrico Zacharias Calil e equipe.

Segundo Zacharias, os expansores são necessários para aumentar a pele das crianças, a fim de ser aproveitada na cobertura das partes que ficarão descobertas por conta da cirurgia. Após cerca de 20 dias será avaliado o ganho de pele para que seja marcada a data da separação das siamesas.

A gêmea Laura passou recentemente por um tratamento de otite, inflamação de ouvido adquirida na viagem para Goiânia, mas encontra-se recuperada. Após a recuperação de Laura, Calil assegura que os procedimentos pré-cirúrgicos podem ser iniciados.

Família veio de Piraí

Laura e Laís nasceram na Bahia, na cidade de Piraí, em 15 de agosto do ano passado, em seguida vieram para Goiânia a fim serem tratadas e o seu caso avaliado pelo especialista Zacharias Calil e equipe. Naquela ocasião, estiveram internadas no Hospital Materno Infantil, tendo retornado à Bahia em outubro e agora retornado a Goiânia num domingo 25/10, para iniciar os preparativos visando à cirurgia de separação.

As meninas e a mãe, Liliane dos Santos, estão hospedadas na Casa do Interior, da Organização das Voluntárias de Goiás-OVG, no Setor Oeste, onde está programado continuarem até a realização da cirurgia. As siamesas são ligadas pela bacia e abdômen.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.