Sessão é interrompida após “discussão acalorada” entre Amauri Ribeiro e Major Araújo

Presidente em exercício, Humberto Aidar (MDB) terminou a sessão antes mesmo das votações da ordem do dia

Após uma “discussão acalorada” entre Amauri Ribeiro (Patriota) e Major Araújo (PSL), o deputado Humberto Aidar (MDB), que presidia a sessão desta quarta-feira, 8, decidiu encerrar o expediente. A discussão foi durante o primeiro projeto da Ordem do Dia e não houve nenhuma deliberação. O estopim foi uma “fake news” que o deputado Humberto Teófilo (sem partido) teria publicado nas redes socias.

Teófilo divulgou um vídeo com a imagem e o nome de cada um dos parlamentares que votaram a favor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que alterou a distribuição do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no Estado. Segundo ele, os parlamentares estariam congelando a redução do valor do combustível.

O vídeo não pegou bem entre os parlamentares, que criticaram o deputado estadual durante toda a sessão, até que o deputado Major Araújo utilizou a tribuna para defender Humberto Teófilo e criticar os parlamentares que estavam com medo de aparecer a favor do projeto.  

A discussão ficou mais acalorada quando o deputado Amauri Ribeiro disse que Araújo estaria falando inverdades e não aceitaria que o falassem mal dele. Ele utilizou a tribuna para defender o voto. “Você falou as merdas que queria, agora me escuta que estou usando a tribuna. A palavra é minha!”, exclamou Amauri, indignado com o vídeo publicado por Humberto Teófilo e com as interrupções de Major Araújo, quando o parlamentar o chamou de “bosta” e, quando utilizou a palavra, chamou Amauri de “boneca”, por não aceitar aparecer como um parlamentar que votou a favor da PEC.  

Confira parte da discussão; o vídeo completo da sessão ainda não foi disponibilizado no Canal da TV Alego, a autorização precisa ser feita pelo presidente da Casa

“Eu votei a favor da redistribuição do ICMS, não votei contra congelamento de ICMS. Se você não escutou, assista a sessão. Nosso repúdio contra as falas do deputado meu amigo, Humberto Teófilo, é porque ele falou inverdades. Não votamos nenhum jabuti que congela os impostos”, afirmou o deputado que terminou sua palavra dizendo que Araújo falou “asneira”.  

Procurado pela reportagem, Amauri disse que a discussão ganhou uma proporção muito grande. “O deputado gosta de maltratar todo mundo. Está tudo tranquilo, mas eu, como deputado, não vou aceitar uma culpa de algo que não fiz”, acrescentou Amauri, que já estava mais tranquilo após o término da sessão.  

Por meio da assessoria, o deputado Humberto Teófilo disse que o congelamento “não é uma fake news”. Segundo o parlamentar, o artigo oitavo da emenda do deputado Lucas Calil (PSD) [relator do projeto na Comissão de Constituição, Justiça e Redação] diz que “são vedados ao Estado durante a vigência do Regime de Recuperação Fiscal a concessão, a prorrogação, a renovação ou a ampliação de incentivo ou benefício de natureza tributária da qual decorra renúncia de receita.”

O deputado Major Araújo foi procurado, mas até o fechamento desta reportagem não atendeu aos nossos telefonemas e não respondeu as nossas mensagens. O espaço continua aberto.  

2 respostas para “Sessão é interrompida após “discussão acalorada” entre Amauri Ribeiro e Major Araújo”

  1. Avatar ANTONIO XAVIER RIBEIRO SOBRINHO disse:

    A matéria que o governador Ronaldo Caiado enviou à Assembleia Legislativa é sobre a REDISTRIBUIÇÃO do ICMS para os MUNICÍPIOS , cuja PEC ( proposta de emenda constitucional) foi elaborada através de Estudo de Planejamento e Economia. A finalidade da PEC é a adequação dos critérios de distribuiçao e participação dos municípios do produto de arrecadação do imposto sobre operações Relativas ao ICMS.O conteúdo da matéria não tem nada a ver com aumento ou diminuição do valor do ICMS; é sobre adequação dos valores DISTRIBUIDOS aos municípios.. Inclusive o ICMS do estado está congelado há 3 anos .Lembrando que o governador Ronaldo Caiado não propôs nenhum aumento desse imposto . Ainda está congelado desde a época de Marconi . Para que ninguém tenha DÚVIDA segue ABAIXO ,NA ÍNTEGRA ,o PROJETO ENVIADO à Assembleia pelo governador. É sempre importante termos conhecimento de um assunto que estamos abordando ou criticando antes de fazer injustamente qualquer acusação …. É por isso que o ser humano é chamado de racional .

  2. Avatar Moacir José Da Silva disse:

    que jornal é esse. que coloca o video somente desse amauri que contra o povo. cade o video do major araujo falando.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.