Servidores da saúde anunciam greve no Estado

Paralisação foi anunciada após o encaminhamento de projeto do governo que altera o limite do prêmio de incentivo pago à categoria

greve-sindsaude

Decisão pela greve foi unânime | Foto: Reprodução / Facebook

O Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Único de Saúde de Goiás (Sindsaúde) anunciou, na manhã desta quinta-feira (15/9), que entrará em greve a partir da próxima terça-feira (20). A justificativa dos servidores é o encaminhamento à Assembleia Legislativa do projeto que reduz em 50% o prêmio de incentivo dos trabalhadores.

Os servidores se reuniram em assembleia geral e decidiram, em votação unânime, pela greve da categoria no Estado. O Sindsaúde irá enviar o comunicado para a Secretaria Estadual de Saúde e iniciará a greve no próximo dia 20.

Com a paralisação, os atendimentos das unidades de saúde serão reduzidos em 70%. Na terça-feira (20) será realizada uma segunda assembleia dos trabalhadores.

Alteração

O projeto do governo encaminhado à Assembleia Legislativa muda a Lei 14.600/2003, limitando o valor da gratificação a ser paga mensalmente a 50% da produção das unidades da rede no máximo. Atualmente, o percentual destinado ao pagamento do prêmio de incentivo pode chegar a 100% do somatório da produção das unidades.

A Secretaria de Saúde deve se pronunciar sobre o assunto ainda nesta quinta-feira (15).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.