Serial killer de Goiânia enfrenta novo júri popular

Sessão está marcada para a manhã desta quinta-feira (20)

Foto: Hernany César – Centro de Comunicação Social)

Conhecido como o “serial killer de Goiânia”, o ex-vigilante Tiago Henrique Gomes da Rocha será julgado, nesta quinta-feira (20), a partir das 8h30, pela morte da jovem Bruna Gleycielle de Sousa Gonçalves. A sessão será presidida pelo juiz Eduardo Pio Mascarenhas da Silva, titular da 1ª Vara Criminal de Goiânia.

O crime ocorreu no dia 8 de maio de 2014, em um ponto de ônibus da Avenida T-9, no Setor Jardim América, em Goiânia. A vítima aguardava o ônibus ao lado de um colega de trabalho quando foi atingida no peito. A decisão de pronúncia foi proferida no dia 9 de junho de 2015.

As penas impostas ao ex-vigilante, que ganhou notoriedade nacional já somam 663 anos e 10 meses, por 28 assassinatos, um assalto e porte ilegal de arma de fogo. (Com informações do TJ-GO)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.