“Serei oposição independente de estar no comando ou não”, diz Daniel Vilela às vésperas da eleição

Presidente do MDB lamenta divisão no partido, mas garante legalidade na convocação do pleito para este sábado, 19

Foto: reprodução

O presidente estadual do MDB, Daniel Vilela, disse ao Jornal Opção que convocar a eleição do diretório a oito dias da data não foi estratégia para se perpetuar no poder e reitera que será oposição ao governador Ronaldo Caiado (DEM) independente de estar no comando do partido ou não.

Ele ainda considerou natural a insatisfação de filiados com o ato e afirma que o anúncio de boicote por parte de alguns diretórios municipais não inviabiliza o pleito, que ocorrerá neste sábado, 19. “Infelizmente é de conhecimento de todos que o partido está dividido e é óbvio que existe uma parte interessada em assumir a presidência”, explica.

Quanto a isso, Vilela disse que esses emedebistas que pretendem disputar o cargo devem lembrar que isso só será conquistado por meio do voto. Ele ainda reforçou que a convocação não foi “em cima da hora”, como vem sido colocado por correligionários.

“Está decidido desde outubro que a eleição seria em janeiro, e é o estatuto que determina esse prazo de oito dias”, disse Daniel, que anunciou a data na sexta-feira, 11. “Mas tem gente que não participa da vida diária do partido e vem com esses argumentos”, completa.

Diante da possibilidade de emedebistas opositores judicializarem o diretório estadual, Vilela afirma que isso é um direito que eles têm, mas garante que tudo foi feito dentro da legalidade e está seguro.

O deputado Bruno Peixoto (MDB), aliado do governador, disse, recentemente, que essa decisão parecia uma manobra do presidente para continuar no comando da sigla. Vilela, por sua vez, declara: “Serei oposição independente de estar no comando ou não”.

O partido no Estado se vê dividido desde a eleição 2018, quando o presidente lançou seu nome para governador, mas parte dos correligionários apoiaram a candidatura de Caiado, que acabou vencendo o pleito. A sigla manifestou posicionamento independente, mas se reparte entre aliados fieis e opositores ferrenhos ao democrata.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Altamiro Pimenta Filho

Um grande democrata. Quer até renovar nossa prática politica…