“Sei o que é ser vítima do ódio e da intolerância”, diz Eliton sobre ataque a Bolsonaro

Governador se pronunciou sobre a facada que o presidenciável do PSL levou em Juiz de Fora, Minas Gerais, na tarde desta quinta-feira (6)

Bolsonaro levou um golpe durante uma campanha nesta quinta-feira (6) em Minas Gerais | imagem: reprodução/twitter

O governador e candidato a reeleição José Eliton (PSDB) afirmou ter assistido estarrecido, nas redes sociais, o atentado na tarde desta quinta-feira (6) contra o candidato a presidente Jair Bolsonaro.

“É uma gravíssima ação contra a democracia brasileira que, independente de suas motivações, deve ser esclarecida de forma rápida e os envolvidos punidos de forma exemplar pela Justiça” disse.

Confira na íntegra o que disse o governador sobre o acontecimento:

O Brasil precisa de paz, de unidade, para superar suas dificuldades e vencer seus desafios. Não podemos tolerar o radicalismo, o ódio, a violência e as agressões físicas ou verbais. Precisamos respeitar as diferenças de opiniões e de pensamentos, para que a democracia se fortaleça cada vez mais no nosso País.

Há dois anos fui alvo também de um atentado político, em Itumbiara, fatal para o nosso querido e saudoso prefeito José Gomes e para o policial militar Vanilson. Sei muito bem o que é ser vítima do ódio e da intolerância e o efeito das suas consequências. Faço orações para o restabelecimento mais rápido possível do candidato Bolsonaro para que, de forma democrática, possa continuar com a sua campanha eleitoral.

1
Deixe um comentário

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Paulo Meirelles

Zé, vc não é o BOLSONARO ! #caronanão