Segundo dia de Canto da Primavera tem samba, MPB e hip hop

Pirenópolis recebe seis atrações nesta quinta-feira. Marcus Biancardini, Diabo a Quatro, Fabiano Chagas Sexteto, Calango Nego, Môni-k e Cartola do Muçum sobem ao palco

| Foto: Divulgação

Apresentações serão no Teatro São Sebastião Pompeu de Pina e no Cine Pirineus | Foto: Divulgação

O segundo dia de Canto da Primavera é nesta quinta-feira (10/12), no Teatro São Sebastião Pompeu de Pina e no Cine Pirineus, em Pirenópolis. Na programação musical, apresentações de viola, guitarra, hip hop e música popular. A partir das 19h, seis atrações se revezam nos palcos do festival.

Quem inicia a noite é Marcus Biancardini. O músico goiano explora com criatividade todo o potencial da viola e consegue reproduzir músicas de diversos lugares do mundo e estilos diferentes usando apenas o instrumento. Ele toca no entroncamento dos dois espaços culturais.

Depois, é a vez da banda Diabo a Quatro e de Fabiano Chagas Sexteto subirem ao palco, no Teatro Sebastião Pompeu de Pina. A Diabo a Quatro toca músicas autorais inspiradas na música popular, que também está presente no trabalho de Fabiano Chagas. O habilidoso guitarrista transita entre o erudito e o regional, entre a MPB e o Jazz.

As apresentações do Cine Pireneus começam às 20h30 com a banda Calango Nego, que reúne os músicos Alisson Bringel (Vocal), Pedro Vaz (Percussionista) e o DJ Daniel de Mello. Em seguida, é a vez da cantora Môni-k, cujo repertório conta com canções do jazz, blues e rock.

O encerramento fica por conta da banda Cartola do Muçum, que comanda uma roda de samba. Com canções da MPB, rock e samba de raiz, eles animam a noite com músicas de Caetano Veloso, Paulinho da Viola, Beth Carvalho e outros grandes nomes da música brasileira.

Deixe um comentário