Segue foragido homem acusado de matar esposa, enteada e fazendeiro

Uma força tarefa policial segue fazendo as buscas por Wanderson Mota Protácio, de 21 anos

O procurado Wanderson Mota Protácio. Ele é apontado como o autor dos assassinatos da própria mulher, que estava grávida de 4 meses, da enteada de 2 anos e 9 meses, e de um fazendeiro. Foto: Reprodução

Seguem as buscas da força-tarefa montada pela Polícia Civil de Goiás, para capturar um suspeito de matar três pessoas no fim da tarde de domingo. O alvo da operação foi identificado como Wanderson Mota Protácio. Ele é apontado como o autor dos assassinatos da própria mulher, que estava grávida de 4 meses, da enteada de 2 anos e 9 meses, e de um fazendeiro.

Além dos policiais civis, policiais militares e Polícia Rodoviária Federal estão envolvidos nas buscas. Até helicópteros são usados para tentar encontrar o fugitivo que, segundo informações da polícia, estaria escondido em matas. As buscas se concentram em pontos nas cidades de Abadiânia, Alexânia, Corumbá e Goianápolis.

Os homicídios ocorreram na zona rural de Corumbá, onde Protácio trabalhava como caseiro de uma fazenda. Logo após matar a esposa e a enteada, Wanderson roubou a arma do patrão e invadiu outra propriedade. Lá, ele matou o fazendeiro, de 73 anos, com um tiro na cabeça. A esposa dele foi agredida, sofreu tentativa de estupro e levou um tiro no ombro. O homem roubou a caminhonete do casal.

O carro foi abandonado em uma rodovia. Após isso Wanderson esteve na casa de parentes, depois fugiu e estaria se escondendo em uma região de mata.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.