Seduce irá criar superintendência para tratar de segurança nas escolas de Goiás

Setor incluirá gerência dos colégios militares do Estado

A Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) se prepara para criar uma nova superintendência no organograma da pasta que se dedicará exclusivamente a assuntos relacionados à segurança escolar.

Dentre outras medidas, o setor implementará ações fixas de combate ao tráfico de drogas e à violência dentro da comunidade escolar.

Diferentemente do que chegou a ser aventado, a titular da pasta, Raquel Teixeira, explica que a criação do novo setor não tem como objetivo principal a gerência dos colégios militares do Estado, mas ressalva que a medida acabará por incluir as unidades.

“Isso é algo positivo, pois traz os colégios militares para uma política maior de educação, juntamente com as outras mais de 1.200 escolas geridas pelo Estado”, pontua.

Em entrevista recente ao Jornal Opção, a auxiliar comentou a crescente demanda dos municípios goianos para a implantação de unidades educacionais geridas pela Polícia Militar.

Segundo ela, apesar da grande demanda, não existe por parte do governo de Goiás a intenção de tornar a implantação dos colégios militares uma política de Estado. À reportagem, ressaltou que entende o porquê da alta demanda, mas lembra que a pasta adota como prioridade o oferecimento de “educação laica, gratuita e de igual qualidade para todos”.

“As prefeituras e a população gostam dos colégios militares porque são escolas boas e com uma infraestrutura boa, além da questão da disciplina oferecida. Mas claramente esta não é uma política de Educação do Estado de Goiás”, asseverou.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

wellinton

CONCURSO PUBLICO GERAL NA SECRETARIA DE EDUCAÇAO DO ESTADO , JA!!!!