Secretário de Iris vai à Câmara explicar denúncias sobre caixa da prefeitura

Vereador acusa Paço de juntar mais de R$ 350 milhões, ao mesmo tempo em que insiste em tese de “rombo” e “sacrifica população”

Foto: Larissa Quixabeira/Jornal Opção

O secretário municipal de Finanças, Oseias Pacheco, deve ir ao plenário da Câmara de Goiânia na próxima semana para apresentar aos vereadores a real situação financeira da
Prefeitura de Goiânia. A visita está prevista para a próxima quarta-feira, dia 19.

Denúncia apresentada pelo vereador Elias Vaz (PSB) ainda no início deste mês dá conta de que o Paço possuía, no último dia 28 de fevereiro, R$ 369 milhões em caixa, ao mesmo
tempo em que vem insistindo na tese de que há um “rombo” nos cofres municipais.

Aos vereadores, o auxiliar do prefeito Iris Rezende (PMDB) terá que esclarecer o montante voluptuoso denunciado por Elias frente a série de problemas enfrentada pelo
município ao longo dos mais de 100 dias de gestão peemedebista.

Para o autor do requerimento que pediu a convocação do secretário, Iris faz uso da “velha política” ao juntar dinheiro em caixa para uma eventual “intervenção mais volumosa”.

“Uma coisa é planejamento estratégico, outra coisa é sacrificar a população. Querem fazer depois uma intervenção mais volumosa para a gestão sair como salvadora da pátria,
mas a custo do que? De faltar merenda, insulina e pagamento para professores?”, questiona Elias Vaz em entrevista.

Deixe um comentário