Secretaria de Saúde disponibiliza 1,2 mil doses da vacina contra H1N1 em Goiânia

Prioridade são gestantes, parte do grupo de risco que não foi imunizada em 2015. Campanha oficial do Ministério da Saúde começa apenas no final de abril

Campanha segue até 5 de junho em todo o país | Foto: Marcelo Camargo

Vacina da campanha oficial virá atualizada: quem tomar a vacina agora voltar ao posto de saúde em 30 dias  | Foto: Marcelo Camargo

Depois de confirmada a primeira morte em decorrência de infecção pelo vírus da H1N1 na capital, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) disponibilizou a vacina contra a doença em sete postos de saúde. Como a campanha oficial de vacinação ocorre somente em abril, o órgão enviou às unidades tudo o que sobrou da campanha de 2015.

Segundo a gerente de imunização da SMS, Grécia Pessoni, 1.200 doses foram disponibilizadas nos Cais Vila Nova, Campinas, Finsocial e Chácara do Governador; no Ciams Pedro Ludovico e no Centro de Saúde do Parque Ateneu.

O Ministério da Saúde começou a enviar novas doses nesta sexta-feira para todo o Brasil, mas Grécia informou que ainda não se sabe se elas chegarão à capital. Por ora, a previsão de chegada da nova vacina é para o dia 20 de abril.

Grécia informou ainda que não há restrição sobre quem pode tomar a vacina, ou seja, não é preciso ser do grupo de risco para ser imunizado. No entanto, a SMS está incentivando principalmente que gestantes procurem a unidade mais próxima, porque, como não faziam parte do grupo de risco em 2015 (já que não estavam grávidas), elas não participaram da última campanha, ao contrário, por exemplo, de crianças e idosos.

A vacinação antes da campanha oficial, entretanto, não basta. Segundo Grécia, a vacina disponibilizada pelo Ministério da Saúde em 2016 foi atualizada e tem novas cepas. “A vacina atual protege contra o H1N1, o H3N2 e o Influenza B. Pro H1N1 não vai mudar, mas pras outras vão vir cepas modificadas”, esclareceu. “O vírus sofre muitas mutações. Por isso que é importante se vacinar de novo em 30 dias”.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.