“Se a Assembleia tiver que pautar reforma da Previdência no Estado, serei aliado de Caiado”, diz Lissauer

Possibilidade surgiu, porque o relatório da reforma, no Congresso Nacional, retirou os Estados e municípios do texto

Foto: Fernando Leite / Jornal Opção

Em entrevista ao Jornal Opção, o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), Lissauer Vieira (PSB), disse que se a Casa tiver que pautar a reforma da Previdência para o Estado, o governador Ronaldo Caiado (DEM) terá nele um aliado.

“Falo em meu nome, não em nome dos outros 40 parlamentares desta Casa, mas sou à favor da reforma, e quero deixar claro a minha posição, independente de qualquer outra divergência com o Governo”, reiterou.

A possibilidade surgiu, porque, na quarta-feira, 12, foi anunciado que o relatório da reforma, no Congresso Nacional, retirou os Estados e municípios do texto enviado pelo Governo Federal.

Com isso, o anseio dos governadores, incluindo Caiado, pode ser decidido em âmbito estadual, ou seja, no Legislativo de Goiás, no caso. O governador, inclusive, já cogitou poder legislar a matéria no Estado por meio de decreto.

Sobre isso, Lissauer disse que seria um bom paliativo, mas que, de qualquer forma, a longo prazo, o assunto teria que voltar aos deputados. “Mas, não tenha dúvida de que eu, como alguém que pensa pelo Estado, não hesitarei em viabilizar isso”, assinalou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.