Santana Gomes diz que oposição faz uso político de operação da PF

Deflagrada nesta quarta-feira (24), Operação Decantação repercutiu entre os deputados durante sessão 

Deputado estadual Santana Gomes | Foto: Y. Maeda

Deputado estadual Santana Gomes | Foto: Y. Maeda

A Operação Decantação, deflagrada nesta quarta-feira (24/8) pela Polícia Federal, repercutiu no plenário da Assembleia Legislativa. Durante sessão, deputados de oposição criticaram o governo estadual, responsabilizando a administração pelo esquema de corrupção na Saneago.

As críticas, entretanto, foram rebatidas pelo deputado Santana Gomes (PSL), que acusou os parlamentares oposicionistas de fazerem uso político da situação.

Santana afirmou que as investigações são positivas para o Brasil, pois “ajuda a passar o País a limpo”, mas ponderou que não se pode imputar qualquer ato ilícito ao governador Marconi Perillo.

A ação da PF investiga um esquema de corrupção na Saneago que teria causado um rombo de ao menos R$ 4,5 milhões aos cofres da companhia. Nesta quarta, a polícia cumpriu 120 mandados judiciais, sendo 11 de prisão preventiva, quatro de prisão temporária, 21 de condução coercitiva e 67 de busca e apreensão,

Entre os presos na manhã desta quarta-feira estão o presidente do PSDB em Goiás, Afrêni Gonçalves e o presidente da Saneago José Taveira Rocha, suspeitos de envolvimento no esquema.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.