Sandro Mabel é oficializado como presidente da Fieg e assume mandato em 2019

Sucessão do presidente Pedro Alves de Oliveira, que dirigiu a entidade por dois mandatos, teve apenas uma chapa

Foto: Reprodução/Facebook

O empresário Sandro Mabel foi oficialmente eleito nesta segunda-feira (8/10) novo presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), para quadriênio 2019-2022, cujo mandato inicia-se em 1º de janeiro. Em maio, o atual presidente Pedro Alves já havia anunciado a decisão, que foi tomada após consenso, durante reunião de presidentes de sindicatos que compõem a federação.

A sucessão teve apenas uma chapa, Fieg União e Participação, comandada pelo empresário, também presidente do Sindicato das Indústrias de Alimentação no Estado de Goiás, obtendo 35 votos – votação unânime.

De acordo com a federação, o foco da nova diretoria será o fortalecimento dos sindicatos, para ampliar e melhorar a prestação de serviços às indústrias. O novo presidente diz que ampliará a atuação da Federação e dos sindicatos em negociações coletivas, reforçando os sindicatos patronais industriais e sua prestação de serviços, principalmente no assessoramento jurídico, relações sindicais e maior atuação junto ao poder Legislativo em âmbito municipal, estadual e federal. “Uma vez que não existe mais imposto sindical, nossos sindicatos terão de prestar um serviço ainda melhor, para uma base maior de empresas”, comentou Mabel.

Outro ponto que merecerá atenção da nova gestão é a busca de um cenário mais favorável ao setor industrial, facilitando ao máximo a instalação de novas empresas em Goiás. “Vamos aproximar mais as indústrias de órgãos que impactam diretamente suas atividades, como Enel, Saneago, Secretaria da Fazenda, órgãos de meio ambiente, dentre outros”, aponta.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.