Sabrina Garcêz diz que é preciso mexer no Código Tributário para dar clareza ao contribuinte

Projeto já recebeu mais de 50 propostas de emenda e deve seguir para o Plenário ainda nesta semana

Sabrina Garcêz diz que é preciso mexer no Código Tributário para dar clareza ao contribuinte
Vereadora Sabrina Garcêz | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

Foi apresentado nesta terça-feira, 23, em reunião extraordinária da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o relatório do Código Tributário enviado pela Prefeitura de Goiânia. Até o fim da sessão foram apresentadas mais de 50 emendas pelos vereadores, três delas de autoria da presidente da Comissão, a vereadora Sabrina Garcêz (PTB).

Sabrina falou ao Jornal Opção que o Código Tributário é um projeto necessário, mas que demonstra subterfúgios, muitas vezes ilegais, por parte da prefeitura. Segundo ela, o executivo municipal cria tributos que inviabilizam a relação com instituições privadas. “Eu acredito na parceria entre público e privado, mas a prefeitura influencia nesse sentido”, disse.

A vereadora disse ainda, que é preciso mexer no projeto para dar clareza ao contribuinte, e cita como exemplo, a questão do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU): “O novo código deve trazer a unificação dos impostos”, pontuou.

Sabrina reitera que a apresentação das várias emendas não irá atrasar o projeto, que será entregue ainda nesta semana ao Plenário. A análise do Código Tributário continuará na próxima quarta-feira, 24, e a votação das emendas será feita por assunto, devendo começar por aquelas que se referem ao IPTU.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.