Ronaldo Caiado assina contrato de venda da Celg T

Cerimônia ocorre no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, nesta segunda-feira, às 15h; através de projeto de lei, governo pretende aplicar o dinheiro no fundo previdenciário do estado de Goiás

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), irá assinar, na tarde desta segunda-feira, 6, o contrato de venda da Celg Transmissão SA (Celg T) com a EDP, vencedora do leilão. A empresa foi arrematada no dia 14 de outubro por R$ 1,9 bilhão, valor 80,1% acima do lance mínimo inicial. Cerimônia ocorrerá às três horas da tarde, no auditório Mauro Borges, do Palácio Pedro Ludovico Teixeira.

A partir do leilão de privatização, a EDP adquiriu o direito a controlar 14 subestações e 756 quilômetros de redes de transmissão da Celg T. Atualmente, a EDP já atua em todos os segmentos do setor elétrico brasileiro. Com a venda da ex-estatal, o governo de Goiás chegou a elaborar um projeto de lei que permite a aplicação do valor adquirido com a venda no fundo previdenciário do Estado, atacando o déficit histórico da previdência.

Com a aplicação do recurso, o governo garante que será possível a isenção da contribuição de aposentados e pensionistas que ganham até R$ 3 mil. Acima desse teto, o percentual de contribuição passa a ser progressivo, calculado sobre o valor que ultrapassa esses R$ 3 mil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.