Ronaldinho Gaúcho e irmão são detidos com passaportes falsos, no Paraguai 

Polícia já prendeu brasileiro suspeito de fornecer passaportes falsos aos irmãos. Ambos respondem pela prática de crime ambiental cometido em Porto Alegre (RS) 

Foto: Fiscalía Paraguay/Twitter

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis foram detidos, na última quarta-feira, 4, no Paraguai. A acusação é de que ambos portavam passaportes falsos. Segundo informações do portal de notícias da UOL, Ronaldinho e o irmão haviam desembarcado horas antes no país.

Ainda de acordo com a reportagem, ambos devem depor ainda esta manhã. Ronaldinho e o irmão estão, segundo registros das autoridades paraguaias, colaborando com a investigação.

A suíte onde os irmãos estão foi revistada pelas autoridades que encontraram os passaportes. Outro detalhe é que a polícia já prendeu o brasileiro suspeito de fornecer os passaportes falsos aos irmãos.

Conforme lembrou a reportagem, ambos foram condenados por crime ambiental por conta da construção, sem autorização, de um trapiche — rampa que atraca embarcações náuticas — com plataforma de pesca em uma área de preservação ambiental, em Porto Alegre (RS). Eles foram condenados a reverter os danos causados, bem como ao pagamento de R$ 8,5 milhões, em 2015.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.