Retomada das aulas presencias será gradativa e com a previsão do retorno 100% só em janeiro

A partir da próxima semana deverão retomar as salas de aulas os alunos do 5º e do 9º anos do Ensino Fundamental

A prefeitura de Goiânia publicou nesta quarta-feira, 27, no Diário Oficial do Município, o decreto que prevê o aparato legal para que a secretaria de Educação (SME) realize o planejamento para a retomada integral das aulas presenciais nas escolas da rede municipal de ensino. Neste sentido, o retorno será gradativo e escalonado, com a previsão de 100% dos estudantes nas salas de aula apenas para janeiro.

De acordo com o secretário Wellington Bessa, a partir da próxima semana deverão retomar as salas de aulas os alunos do 5º e do 9º anos do Ensino Fundamental. Eles participarão, no final de novembro, das avaliações do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

“Com a nova realidade da situação epidemiológica em Goiânia nós já temos condições de realizar um estudo para o mapeamento completo da 372 unidades para que possamos aumentar o quantitativo de alunos. O certo é de que em janeiro 100% dos nossos alunos estarão em sala de aula”, afirmou Bessa.

Segundo o secretário, todos os protocolos sanitários exigidos atualmente deverão ser seguidos, como a obrigatoriedade do uso de máscara, álcool em gel e testagem dos profissionais da educação.

“O único que foi retirado é do distanciamento. E ainda que a aferição de temperatura já não seja mais obrigatória em Goiânia as escolas municipais continuarão adotando a medida”, pontuou o secretário.

Em relação aos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis), Bessa disse que apenas deverão retomar as atividades presenciais de forma integral a partir de janeiro do ano que vem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.