Respiradores chegam ao Hcamp de Luziânia; unidade começa atender pacientes da Covid-19 na próxima semana

Em visita ao hospital, na noite de quinta-feira, 14, governador Ronaldo Caiado (DEM) lamentou declaração de governador do DF em que afirma que irá barrar entrada de pacientes do Entorno e disse que unidade do HCamo deve abrir imediatamente

Equipamentos enviados ao HCamp de Luziânia pela SES-GO | Foto: SES-GO

O Hospital de Campanha (HCamp) de Luziânia recebeu ventiladores pulmunares da A Secretaria Estadua de Saúde (SES-GO) na manhã desta sexta-feira, 15. Com isso, poderão ser viabilizados leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na unidade.


Ainda, um tomógrafo está sendo montado no Hospital. A SES-GO também entregou desfibriladores e monitores paramétricos para aferição de sinais vitais. De acordo com a pasta, o HCamp de Luziânia deve iniciar os atendimentos a casos suspeitos e confirmados da Covid-19 já nos próximos dias.


Na unidade, o governo do Estado promete instalar ao menos 80 leitos, sendo 20 deles no primeiro momento. Na última quinta-feira, o governador Ronaldo Caiado (DEM) afirmou que o HCamp deverá iniciar atendimento imediato após o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha dizer que bloquearia a entrada de pacientes do Entorno.


“No momento em que nos é impedido o acesso a Brasília, onde nós ainda não havíamos recebido o Hospital de Águas Linndas, ficamos totalmente descobertos nessa região. A região passou a não ter um local. A única alternativa para o cidadão é ir para Goiânia. É algo desumano”, pronunciou Caiado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.