Rendimento domiciliar dos goianos cai pela primeira vez em cinco anos

Em contrapartida, o rendimento nominal per capita do brasileiro continuou crescendo e atingiu R$ 1.438,67 em 2019. O valor é 4,8% superior ao de 2018 que foi de R$ 1.373,00

Dinheiro | Foto Marcos Santos / USP Imagens

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou um estudo relacionado ao rendimento domiciliar per capita do Brasil. O levantamento mostra que, em Goiás, o rendimento no ano de 2019 foi de R$ 1.306,31. O número é 1,3% menor quando comparado ao resultado de 2018 que foi de R$ 1.323,00.

Em contrapartida, o rendimento nominal per capita do brasileiro continuou crescendo e atingiu R$ 1.438,67 em 2019. O valor é 4,8% superior ao de 2018 que foi de R$ 1.373,00.

Em um ranking, quando comparado aos demais Estados, Goiás aparece como 11º Estado com o maior rendimento domiciliar. Em relação aos anos anteriores, Goiás ficou, novamente, abaixo da média nacional e perdeu, ainda, duas colocações em relação ao ano de 2018. Veja a lista completa:

Foto: Reprodução

Vale lembrar que o rendimento domiciliar per capita é calculado como a razão entre o total dos rendimentos domiciliares (em termos nominais) e o total dos moradores. São considerados os rendimentos de trabalho e de outras fontes de todos os moradores, inclusive os classificados como pensionistas, empregados domésticos e parentes dos empregados domésticos.

Os valores são obtidos a partir dos rendimentos brutos efetivamente recebidos no mês de referência da pesquisa, acumulando as informações das primeiras entrevistas dos quatro trimestres da PNAD Contínua de 2019 — pesquisa domiciliar que, a cada trimestre, capta informações socioeconômicas e demográficas em cerca de 211 mil domicílios, em aproximadamente 16 mil setores censitários, distribuídos em cerca de 3,5 mil municípios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.