Reforma no Cais Guanabara começa nesta semana para transformar unidade em UPA

Além do local, outras duas UPAs serão implantadas em Goiânia, no Cais Chácara do Governador e Cais Jardim América

Cais Guanabara passa por obras de adaptação para padrão UPA/ Foto: Divulgação/Secom

A Prefeitura de Goiânia anunciou que o Cais Guanabara deverá passar por obras a partir desta semana. O projeto irá transformar o local em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e por isso passará pelas adequações necessárias para se enquadrar nos padrões. A obra terá duração de 180 dias e será custeada pelo Tesouro Municipal. O valor total será de R$2,1 milhões.

Os 1.700m² de espaço serão aumentados para 2.280m². Além de aumentar a recepção, serão construídos também sala de urgência, enfermaria pediátrica, banheiros nas salas de observação e sala de repouso para funcionários. Enquanto o local passa por obras, os funcionários serão remanejados para outras unidades.

No cais são atendidos mensalmente cerca de 5.500 pessoas no ambulatório, sala de emergência e assistência à família. São oferecidos atendimentos em psicologia, odontologia, pediatria e assistência social, no Cais também funcionam três equipes do Programa Saúde da Família, com médico, enfermeiro, odontólogo e cinco agentes comunitários cada uma.

Atualmente, Goiânia conta três UPAs, sendo elas Itaipú e Noroeste, reconhecidas pelo Ministério da Saúde (MS), e a Novo Mundo, que está em processo de certificação. A prefeitura também irá transformar a Chácara do Governador e Cais Jardim América em UPAs. Todas as três unidades ainda passarão por licitações para a escolha da empreiteira. No Jardim América, a obra já havia sido licitada e iniciada, porém, após desentendimentos entre a prefeitura e a empreiteira, será realizada uma nova seleção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.