Rafael Lousa afirma que Delegado Waldir tem todas as condições dentro do PSDB

Presidente Metropolitano do PSDB comentou declarações do deputado de que tucanato goianiense já teria definido seu candidato para 2016

Rafael Louza e Delegado Waldir | Fotos: Renan Accioly e Fernando Leite

Rafael Lousa e Delegado Waldir | Fotos: Renan Accioly e Fernando Leite

O presidente Metropolitano do PSDB, Rafael Lousa, comentou nesta quarta-feira (14/10) as declarações do deputado federal Delegado Waldir de que a legenda já teria definido seu candidato para a corrida eleitoral de 2016. Para o dirigente, o parlamentar possui sim todas as condições dentro do partido, mas deveria aproveitá-las melhor.

“O delegado tem participado dos nossos debates e das nossas reuniões e assim é natural que ele tem uma exposição dentro do partido que lhe favorece, e na medida em que lhe favorece ele deveria aproveitar dessa situação para fazer um trabalho e não buscar outra via”, disse, em relação à declaração de Waldir que sairá candidato, independente de partido político.

Lousa reforçou que o partido não possui preferência de candidatos e que o PSDB mantém respeito por todas as candidaturas, não só a de Jayme Rincón, nome mais cotado ao cargo.

O presidente também afirmou que a escolha do candidato contará com participação de toda a legenda e será feita de forma antecipada. “Teremos maturidade da discussão e queremos realizar prévias amplas com todos os filiados de Goiânia. Temos o prazo das convenções, mas queremos um prazo antecipado”, afirmou.

2 respostas para “Rafael Lousa afirma que Delegado Waldir tem todas as condições dentro do PSDB”

  1. Caio Maior disse:

    Já expressei opinião sobre a possibilidade do deputado Waldir administrar uma cidade com sucesso. Considero a reputação ilibada e a idoneidade requisitos iniciais – e ele os satisfaz. Atento à realidade da metrópole acrescentei a vontade política apoiada numa equipe competente como via do bom desempenho com provável êxito. Parece óbvio – mas não é. Desde então acompanhei as notícias veiculadas sobre o deputado. Li manifestações afirmando e reiterando sua “posição”: caso o PSDB não apoie sua pretensão buscará outro partido. É direito seu e de qualquer um; mas ao postular a candidatura pelo partido que o acolheu (e garantiu espaço) para obter mandato de deputado federal decidido a ser candidato por qualquer legenda o delegado age com a arrogância dos “antigos” políticos. Se não tem compromisso com as escolhas do “seu” partido como o eleitor terá a convicção que também não será “esquecido”? Cidades não são governadas mediante vil autoritarismo. Políticos que se julgam “donos” dos partidos e da “verdade” não aceitam sugestões, contribuições ou sequer advertências – e menos ainda das equipes que formatam. Resultam péssimos administradores – e o passado está bem próximo para comprovar: quem mais sofre é o eleitor. Com este comportamento o candidato Waldir revela inaceitável disposição para “derrotar” o eleitor – na hipótese de eleger-se. Quem tem – e ouve – assessores qualificados não erra tanto. Se é este o caso, não passa de mais um candidato “de si mesmo”. Simples assim.

  2. Guilherme Chiareli disse:

    sou mais fabio Sousa !!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.