R$ 8,13 bilhões do FGTS serão distribuídos aos trabalhadores brasileiros em agosto

Valor referente ao lucro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço no ano de 2020, foi 25% menor em relação ao lucro alcançado em 2019

R$ 8,13 bilhões dos lucros do FGTS serão distribuídos entre os trabalhadores brasileiros até o dia 31 de agosto. | Foto: reprodução internet.

O conselho curador do FGTS decidiu nesta terça-feira, 17, que vai distribuir a quantia de R$ 8,13 bilhões dos R$ 8,5 bilhões recebidos pelo fundo em lucros no ano de 2020. O Ministério da Economia atribuiu a queda de 25% no valor que foi conseguido no ano passado em relação ao que foi alcançado em 2019, à pandemia de covid-19 e suas implicações, como o aumento na taxa de desemprego e a possibilidade de saque emergencial de até um salário mínimo. 

No entanto, é importante ressaltar que o valor que será distribuído entre os trabalhadores brasileiros será maior do que o que foi recebido por eles em 2020, uma vez que 96% dos lucros obtidos no ano passado serão repassados. O valor adicional deverá ser depositado na conta de cada um dos que têm direito a ele até o dia 31 de agosto. Essa quantia será calculada com base no saldo que a pessoa tinha em sua conta no dia 31 de dezembro de 2020, sendo feita da seguinte forma: valor disponível na conta no dia 31/12/2020 vezes o índice de 0,019.

Principais dúvidas 

Para que possa receber esse lucro, o trabalhador vinculado ao FGTS precisa ter mantido saldo positivo em sua conta até o último dia do ano passado. Diante disso, saques realizados no decorrer do ano de 2021 não implicam no não recebimento do valor. É válido ressaltar ainda que todas as contas ativas e inativas do trabalhador no FGTS, de empregos atuais ou anteriores, terão o bônus acrescentado.

As regras para o saque da quantia ainda são as mesmas: demissão sem justa causa, ficar três anos sem emprego com carteira assinada, fim do contrato por prazo determinado e compra da casa própria. Para consultar o extrato do FGTS, o dono da conta poderá baixar o aplicativo “FGTS” disponível na App Store e no Google Play, ou ainda fazer isso por meio do site https://www.caixa.gov.br/extrato-fgts.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.