Quase 70 cidades de Goiás não atingiram meta de vacinação contra Sarampo

Goiás está entre os 10 estados que, proporcionalmente, mais vacinaram contra as doenças

Foto: Divulgação.

O balanço parcial do segundo Dia D da Campanha de Vacinação contra a Poliomielite  e Sarampo aponta que em Goiás  94,7% do público alvo – crianças de 1 a 5 anos – foram vacinadas contra pólio (345.298 mil) e 93,46% contra sarampo (340.775).  

Com o Dia D, realizado neste sábado, 1º de setembro, Goiás está entre os 10 estados que, proporcionalmente, mais vacinaram contra as doenças. Ainda sim, cerca de 70 cidades não atingiram a meta de vacinação no Estado.

No total, 181 municípios goianos (73,58%) atingiram  a cobertura vacinal maior ou igual a 95% para Pólio e 177 municípios (71,95%) da cobertura de Sarampo. Os números ainda podem sofrer alteração já que alguns municípios ainda não encaminharam todos os números da campanha.

A campanha deste ano foi indiscriminada, por isso, todas as crianças nessa faixa etária devem se vacinar, independente da situação vacinal. Segundo informado no sistema pelos estados, até este sábado (1º) foram aplicadas mais de 19 milhões de doses das duas vacinas (cerca de 9,5 milhões de cada).

Cenário nacional

Até o dia 28 de agosto, foram confirmados 1.553 casos e 6.975 permanecem em investigação. Atualmente, o país enfrenta dois surtos de sarampo: no Amazonas que já computa 1.211 casos e 6.905 em investigação, e em Roraima, com o registro de 300 casos da doença, sendo que 70 continuam em investigação. Entre os confirmados em Roraima, 9 casos foram atendidos no Brasil e estão recebendo tratamento, mas residem na Venezuela.

Os surtos estão relacionados à importação, já que o genótipo do vírus (D8) que está circulando no país é o mesmo que circula na Venezuela, país que enfrenta um surto da doença desde 2017.  Alguns casos isolados e relacionados à importação foram identificados nos estados de São Paulo (2), Rio de Janeiro (18); Rio Grande do Sul (16); Rondônia (2), Pernambuco (2) e Pará (2). O Ministério da Saúde permanece acompanhando a situação e prestando o apoio necessário aos Estados.

Até o momento, no Brasil, foram confirmados 7 óbitos por sarampo, sendo 4 óbitos no estado de Roraima (3 em estrangeiros e 1 em brasileiro) e 3 óbitos no estado do Amazonas (todos brasileiros, sendo 2 do município de Manaus e 1 do município de Autazes).

Deixe um comentário