“Qual o problema em ser rico?”, diz Clécio Alves sobre anistia de multa para grandes devedores

Vereadores da base do prefeito Iris Rezende saíram em defesa da inclusão dos grandes devedores no projeto do Refis

Em discussão no plenário da Câmara Municipal, o projeto do Refis, que regularização de débitos para devedores de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Territorial Urbano (ITU) e Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), vereadores da base do prefeito Iris Rezende (PMDB) saíram em defesa da inclusão dos que devem mais de R$ 500 mil no projeto de lei.

“Essa alteração dos grandes devedores o normal vai pagar em 40 parcelas e os grandes em 10. Qual o problema em ser rico? Quem é contra rico? Rico também movimenta o país”, disse o vereador Clécio Alves (PMDB) em defesa da emenda aprovada na Comissão de Finanças na última quarta-feira (12/7).

A alteração de autoria do vereador Welington Peixoto (PMDB) e Zander Fábio (PEN) concede anistia de 100% de multas e juros para pessoas físicas e jurídicas que devem acima de R$ 500 mil e a possibilidade de parcelar a dívida em até 10 vezes, contrariando emenda aprovada anteriormente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que excluía os grandes devedores do Refis. 

Também saíram em defesa da aprovação de anistia para grandes devedores os vereadores Juarez Lopes (PRTB), Tatiana Lemos (PCdoB) e Kleybe Morais (PSDC). A matéria do Refis está em pauta para segunda e última votação e, se aprovada, vai para sanção do prefeito.

Deixe um comentário