PUC Goiás é listada entre universidades com maior representatividade feminina

No ranking, universidade goiana aparece em 20º lugar com maior número de mulheres na docência

PUC-GO | Foto: Divulgação

A Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC) tem uma das maiores representatividade feminina do país em áreas estratégicas, como a pesquisa e docência. O levantamento é do Censo de Educação Superior, divulgado anualmente pelo Ministério da Educação (MEC).

No levantamento, entre as universidades brasileiras particulares e comunitárias com o maior número de mulheres na docência, a PUC Goiás aparece em 20º lugar, sendo a segunda no Centro-Oeste. Segundo o Censo de Educação Superior do MEC, o Brasil conta com quase 300 universidades públicas e com mais de duas mil instituições de ensino particulares ou comunitárias.

Na PUC Goiás, 641 estudantes de graduação integraram alguma pesquisa no último semestre. No ranking nacional, a instituição ficou em 28º lugar entre as universidades com o maior número de pesquisadoras na graduação, com 60,9% de participação. No último Congresso de Ciência e Tecnologia da instituição, em outubro passado, grade parte das medalhas de mérito foram entregues a autoras, pelos trabalhos científicos de destaque.

As mulheres aparecem em maioria entre as bolsistas de Iniciação Científica (IC) no cenário nacional, com 59,8%, mas ainda como minoria na docência, com 46%. As bolsas, destinadas para estudantes de graduação que desejam iniciar a experiência da vivência científica ainda na graduação, contribui para a formação de pesquisadores que ingressarão, depois, em mestrados, doutorados e que darão continuidade ao avanço da ciência e da tecnologia no país.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.