PSL: mais uma sigla declara aliança com a base aliada

O presidente regional do PSL apontou que a permanência na base aliada se deve ao retorno dos compromissos do governo com a legenda

unnamed (3)

Convenção do PSL, na Assembleia Legislativa | Foto: Equipe Marconi

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), compareceu na manhã deste domingo (22/6) na convenção do PSL, na Assembleia Legislativa, que confirmou a sigla na base aliada nas próximas eleições. Durante o ato, o partido também apresentou uma lista de sugestões para integrarem o plano de governo.

O presidente regional do PSL, Dário Paiva, apontou que a permanência na base aliada se deve ao retorno dos compromissos do governo com a legenda. Dário lembrou que os pedidos feitos ao governador Marconi Perillo foram todos cumpridos. “Há quatro anos procurei Marconi e tudo que pedi foi entregue, como a rede de esgoto, a regularização fundiária, o aumento do valor da Bolsa Universitária”, disse.

Além do governador, o vice-governador José Eliton (PP)e o deputado federal Vilmar Rocha (PSD), também foram ao evento. Os três formam a chapa majoritária da base aliada. Marconi Perillo agradeceu as sugestões e pediu união aos partidos, e lembrou ainda que a definição da candidatura acontecerá somente no dia 28 de junho.

“Este não é o governo do Marconi, mas do PSL e de todos os partidos da base aliada”, asseverou Marconi Perillo. “Nós temos discurso em todas as áreas. Criamos programas para ajudar os mais pobres e vamos continuar no mesmo caminho”, finalizou o governador.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.