Protocolos encomendados por Queiroga contraindicarão remédios sem eficácia comprovada

Dois documentos produzidos pelo grupo técnico-científico já foram entregues na última sexta-feira, 30; um deve ser entregue até o final da semana e outros dois ainda devem ser produzidos

Protocolos para tratar Covid-19 encomendados por Queiroga contraindicarão remédios sem eficácia comprovada. | Foto: Marcello Casal

Grupo técnico criado pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para fornecer diretrizes uniformes ao tratamento da Covid-19, irá contraindicar o uso de medicamentos sem eficácia comprovada dentro dos hospitais. O núcleo técnico-científico é liderado pelo médico e professor da Universidade de São Paulo (USP), Carlos Roberto de Carvalho. Documento encomendado por Queiroga deve ficar pronto esta semana.

Os remédios indicados ao tratamento da doença causada pelo coronavírus serão os anticoagulantes e corticoides. O protocolo requerido pelo ministro da Saúde ao grupo, entretanto, não irá tratar sobre a utilização de remédios como a cloroquina, hidroxicloroquina, ivermectina e redemsivir fora de ambiente hospitalar.

Uma vez pronto o documento de diretrizes, Marcelo Queiroga ficará a cargo de decidir como e quando o protocolo será incorporado e distribuído pela rede nacional de Saúde. Outros dois protocolos, acerca do uso racional de oxigênio e da intubação, foram elaborados e entregues ao ministro da Saúde na última sexta-feira, 30. Protocolo sobre ventilação mecânica também deve ser entregue até o fim da semana.

Em sua estrutura, os protocolos elaborados pelo grupo são compostos por três partes: um fluxograma, um texto explicativo e mais detalhado e um pequeno filme ilustrativo. A primeira poderá ser tanto visualizada por aparelhos móveis, como celulares, ou ser impresso e pendurado nas paredes dos hospitais para nortear os profissionais da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.