Promotor confirma que assassinato do ex-prefeito de Itumbiara Zé Gomes segue em investigação

Processo segue em segredo de justiça. Fontes apontam que uma delação premiada pode mudar as versões do que já foi investigado

O promotor Arquimedes de Queiroz Barbosa confirmou que o assassinato do ex-prefeito de Itumbiara segue sendo investigado. Segundo ele, tecnicamente o processo não foi reaberto, porque nunca foi arquivado ou encerrado, mas por requerimento do Ministério Público de Goiás, o caso está segue sendo investigado.

“O processo que apura a morte do ex-prefeito José Gomes da Rocha corre em segredo de justiça. Ou seja, em razão do sigilo, nada do que é apurado no âmbito deste processo pode ser divulgado a terceiros”, aponta do promotor Arquimedes de Queiroz Barbosa.

Em razão do sigilo o promotor não apontou mais detalhes das apurações ou curso atual das investigações. “As investigações ainda estão em andamento. Demais informações não podem ser divulgadas, até mesmo para não comprometer a realização das investigações”, reforça o promotor.

Conforme o Jornal Opção havia adiantando, uma testemunha — que talvez faça delação premiada — teria se reunido com delegados, promotores e magistrados, durante mais de quatro horas, e apresentado uma nova versão do caso. A versão teria sido detalhada.

José Gomes foi assassinato por Gilberto Ferreira do Amaral, que acabou morto pela polícia. Na época, em 2016, o então vice-governador de Goiás José Eliton também saiu ferido, mas sobreviveu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.