Programa beneficia 1,8 mil goianos de assentamentos rurais com acesso à internet

Programa Governo Eletrônico, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, em parceria com o governo estadual, leva internet via satélite para dez assentamentos remotos em Goiás

Iselda “Preta”, presidente do Assentamento São Francisco de Assis, em Formosa | Foto: Divulgação

Uma parceria das secretarias de Desenvolvimento e Inovação e de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) levou internet via satélite para dez assentamentos rurais no Estado de Goiás. Ao todo, foram 1.801 famílias conectadas por meio de satélite da Telebrás, com velocidade de 10 megabites por segundo (MBPS) de download e 1 megabite por segundo de upload.

Com o acesso, o governo estadual pretende empreender alcance às aulas on-line do programa GoiásTec – Ensino Médio ao Alcance de Todos e levar estudo e capacitação para os cidadãos, por meio do portal Goiás Digital. “No início do mês, foram beneficiadas escolas rurais e de comunidades calungas e indígenas de cinco municípios do Estado. Agora, conseguimos levar aos assentamentos e seguiremos trabalhando para levar internet a quem mais precisar”, lembrou Márcio Cesar Pereira, titular da Sedi.

A seleção dos assentamentos foi realizada pela Seapa, juntamente com a Agência Goiânia de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater). O critério de prioridade era o de serem os locais mais distantes de recursos, com mais moradores e que tenham infraestrutura básica de energia elétrica, para que as antenas de satélite fossem instalados nos núcleos.

“A ideia é proporcionar ainda mais conhecimento por meio de transmissões on-line, como fizemos recentemente com palestras técnicas na Semana da Agricultura Familiar. É permitir que essas pessoas tenham mais oportunidades, inclusive para ampliar e melhorar suas atividades no campo”, afirmou o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos de Souza Lima Neto.

Programas

A ação faz parte do programa Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac), do Governo Federal por meio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, que pretende levar internet em banda larga gratuitamente, por via terrestre e satélite, como promoção da inclusão digital. Já o GoiásTec – Ensino Médio ao Alcance de Todos é uma iniciativa do Governo de Goiás, que por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), oferece Ensino Médio para locais remotos ou com falta de professores por aulas via satélite.

“Com o GoiásTec, podemos levar aprendizagem para todos os cantos do Estado, independente da quantidade de alunos que lá esteja, e garantimos professores especialistas para dar a melhor aula para os estudantes. É um projeto ousado e inovador que assegura a educação para todos”, reforçou Fátima Gavioli, secretária da Seduc.

Foram contemplados os assentamentos de Marcos Correa Lins, em Divinópolis de Goiás; Vista Alegre, em Cristalina; Plínio de Arruda Sampaio, em Amaralina; Santa Felicidade, em Cocalzinho de Goiás, Chico Mendes, em Crixás; Santa Fé, em Flores de Goiás; Salete Strozak, em Bonópolis; Canudos, em Palmeiras de Goiás; e Fartura e São Francisco de Assis, ambos em Formosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.